Mitos e Verdades sobre a Acne

16:49

Olá amigos, vamos a um post de mitos e verdades sobre um dos temas que mais incomoda os adolescentes e mulheres depois dos 18 anos.



Mas afinal o que será? Claro, que só podia ser a maldita Acne que incomoda, atrapalha e só aparece nas alturas inapropriadas.

A medida que fomos crescendo fomos nos deparando com muitas teorias em relação ao que provocava a acne e com tratamentos caseiros que não ajudavam muito, por isso hoje vamos falar do
que é verdade e do que é mito em relação a acne.

Para ser mais divertido vamos começar pelo mito e depois justificamos com a verdade

* O primeiro mito é algo que vai deitar por terra o que muitas guros de beleza dizem, o mito de a acne ser resultado de não lavar bem o rosto.


Devido à natureza oleosa da pele, na maioria das situações de acne, à presença de pontos negros e outras imperfeições, partia-se do pressuposto de não lavar o rosto causando assim a obstrução dos poros e folículos capilares, e dai provocando acne. 

Agora o que a verdadeira causa da acne encontra-se debaixo da superfície da pele, onde o folículo capilar e a glândula sebácea se encontram. De certa forma, a acne não está relacionada com a limpeza da pele. Uma exceção a esta regra, e algo que se ouve em todo o lado é na utilização de cremes para a pele estes sim, podem contribuir para a obstrução do poro ou folículo capilar, mas neste caso os denominados cremes comedogénicos provocam a propagação da acne. 

Conclusão, a acne não pode ser curada esfregando, uma manipulação agressiva do rosto pode mesmo piorar a acne. 

Solução, lavar diariamente o rosto com produtos de limpeza sem sabão. Secar suavemente o rosto, sem esfregar, e aplique o seu tratamento diário para a acne.
* Quem nunca ouviu este mito, a acne surge porque comemos chocolate ou alimentos com gordura.

A ideia que determinados alimentos podem provocar acne não tem qualquer prova científica. O uso de óleo na dieta não resulta numa pele oleosa. A pele oleosa é o resultado da atividade das glândulas sebáceas, que são afetadas por hormonas naturais e não pelo fast food, da mesma forma, o chocolate não provoca acne. Um mito provavelmente criado pelos pais que queriam convencer os filhos a não comerem doces. 

Conclusão: come chocolate, lave o rosto e use correctamente a sua medicação para a acne, caso seja necessário.

* Este mito aos poucos esta a deixar de o ser mas ainda existe, a acne não é um problema grave, apenas estético, pelo que não tem de ser tratada.


Em muitos casos, especialmente quando as lesões provocadas pela acne, poderão surgir cicatrizes permanentes. Foi estabelecido que a acne e as possíveis cicatrizes resultantes podem afetar a imagem pessoal em desenvolvimento de um adolescente ou jovem adulto, pelo que deverá ser levado em consideração o impacto na saúde

* Um mito que muitas vezes ouvimos, principalmente quando chega o verão, se tiver acne o sol é bom para si.

Muitas pessoas que têm acne pensam que a acne melhora se apanharem sol. Na verdade, existem muitos medicamentos eficazes para tratar a acne que não envolvem o aumento do risco de cancro da pele.
* Um mito que chega até irritar por realmente não ser verdade, depois dos 21 anos, a acne desaparece.

As mulheres entre os 20 e os 30 anos poderão continuar a ter acne, embora a natureza da mesma possa mudar. As pessoas dentro deste grupo etário poderão desenvolver acne perioral - vários e pequenos inchaço vermelhos e borbulhas em torno dos lábios. Mais tarde, poderão surgir rosáceas, uma forma de acne nos adultos.

* Por último, um mito que poderá ter algo de verdade, o stress provoca acne

Acredito que a maioria dos problemas na pele pode piorar devido ao stress, e em algumas pessoas que sofrem de acne grave, pode desenvolver-se um ciclo vicioso no qual a frustração devido à acne contribui para uma imagem pessoal negativa, levando a um estado de stress e, consequentemente, a um agravamento da acne. Embora o stress não seja uma causa da acne.

No que respeita à acne, as notícias são sobretudo boas, quase todas as pessoas têm acne a dada altura e os novos medicamentos e tratamentos tornam desnecessário o sofrimento devido a este problema ou às possíveis cicatrizes e pode estar à vontade para ingerir os alimentos de que gosta, desde que não existam problemas de saúde que obriguem a evitá-los.
E é tudo por agora PEACE

You Might Also Like

1 comentários

  1. Adorei este post! Vou inclusive partilhar com uma amiga, a informação está óptima!

    THE PINK ELEPHANT SHOE

    ResponderEliminar

Instagram

Like us on Facebook